Seminário realizado pela SEDUC reforça ações para a Alfabetização na Idade Certa

0
173

A Secretaria de Educação- SEDUC realizou, na manhã desta sexta-feira (08), no Teatro Profª Maria José, a edição 2017 do Seminário Municipal do Pacto Estadual pela Alfabetização na Idade Certa, com as presenças da prefeita Mariane Mercuri, da vice-prefeita, Virgínia Araújo, da secretária da Educação, Rita Moreira e a participação de  toda a equipe pedagógica da SEDUC e  comunidade escolar municipal.

O pacto é um Programa do Governo do Estado desenvolvido em parceria com os municípios, que tem como objetivo garantir a alfabetização de todas as crianças até o terceiro ano do Ensino Fundamental.

Sob o tema “ Ciclo da Alfabetização: Refletindo sobre as experiências pedagógicas no âmbito municipal do Programa Pacto”, o evento contou com apresentações de alunos, stands e palestras direcionadas às práticas e implementação dos processos de alfabetização, e socialização das experiências pedagógicas nas escolas municipais e dos avanços obtidos na aprendizagem dos alunos por meio da metodologia oferecida pelo Pacto.

A coordenadora municipal do Pacto, Lílian Carvalho, destacou que os resultados apresentados evidenciam a importância da continuidade do Programa para a melhoria dos indicadores do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica – IDEB, no município. “Através do Programa, podemos ter um olhar mais próximo das dificuldades que os alunos apresentam em sala de aula, e podemos, junto com os professores, fazer atividades de intervenção para sanar essas dificuldades, aumentando os nossos indicadores”, explicou.

Verônica Brito, coordenadora pedagógica da Escola Municipal Orlando Improta, descreve a experiência de trabalhar com o material didático do Programa como “gratificante”: “ Os alunos têm  tido muito mais interesse nas aulas de Português e Matemática, que são os focos do Pacto, uma vez que têm acesso ao conteúdo de forma lúdica. Eles se divertem com os objetos produzidos em sala, se identificam, e o aprendizado se dá de forma mais natural”, afirmou.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here